quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Bem-vindo Martim!!!

O Martim fez-se esperar. Não foi parto planeado, nem nasceu antes do tempo, simplesmente resolveu nascer. Só por isso este puto já me fascina.
Não sou tia verdadeira, mas sou de coração. Sou daquelas que sentiu amor à primeira ecografia ( com aquelas bochechas...), que acompanhou o dia a dia da mãe e a sua transformação.
Hoje gostava de ser uma fada-madrinha! Uma fada de vestido azul, daquelas dos livros de histórias que a tua mãe te vai ler e desejar que herdes a sua força e a preserverança.
Hoje gostava de ser o Peter Pan e voar até ao teu quarto para te poder ver...
Bem-vindo Martim, o mundo é teu...

1 comentário:

Elsa Pinto disse...

Confesso que por várias vezes tentei, mas não encontrei palavras para comentar...
Nem sempre é fácil expressarmo-nos, sobretudo quando o texto está lindissímo, a imagem admirável...
e as pessoas nos são próximas!
Envio à Mónica uma mensagem de carinho e admiração, pela mulher que é, e pela mãe que certamente o será!
Ao Martim desejo tudo o que o mundo tem de melhor.