sábado, 18 de outubro de 2008

A minha cor.


Desde que alterei o look deste blogue, não tenho parado de pensar na minha cor.
Não sou uma Pink Girl, não me reconheço nessa suavidade, pensei no azul marinho a minha cor favorita, mas também não, muito escuro e eu não sou sombria. Depois o azul bebé, cheio de luz, mas um pouco frio o que me desagradou...
Um dia disseram que seria o castanho, por ser morena, outros o branco ou o preto por motivos que não conto. O castanho é triste, o preto é intenso é a ausência de luz e o branco é a ausência de cor, nenhuma sugestão me convenceu.
Resolvi recorrer a ajuda profissional. Ninguém melhor que uma menina de 5 anos para responder a essa questão. A resposta foi:
- Vermelho, claro!!!
- Claro, porquê?
-Porque é a cor do amor e do sangue!
-Do sangue????
- Oh mamã, não é o sangue que nos faz viver?!?
Perante isto, a minha cor é Vermelho Imperial, catálogo Cin, 2006/2007

4 comentários:

Anónimo disse...

E deve ficar-lhe muito bem, o encarnado.
A.

Carlos Teles Grilo disse...

Lilás... sem dúvida!

E quantas cores não temos nós de ter durante o dia...

Ana disse...

A tua cor é, sem sombra de dúvida, o vermelho!!!! A sabedoria das crianças não pára de me espantar...

JS disse...

Essa do lilás ainda estou a pensar...