quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Eu tenho...


... cada vez mais a certeza que não nasci para dona de casa.
No Verão queria ser trolha... solinho o dia inteiro, ficaria com um bronze invejável.
No Inverno queria ser relojoeira, trabalhar no quentinho, com muitas pausas por causa da concentração... maravilha.
Também gostava de ser marceneira, fazer coisas bonitas o pior era o serrim no cabelo, as alergias...
Podia muito bem ser Personal Shopper, uma verdadeira vida de sonho, pagarem-me para ir às compras.
Mas quando estou assim em casa, juro que sinto falta do meu insólito emprego.

1 comentário:

Elsa Pinto disse...

Olhe se isso são lá coisas que se digam! Falta do emprego! Obrigadinho pela parte que me toca! Se ainda fosse do trabalho, dos colegas (por ordem de prioridade sff)...