quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Hoje olhei para ti...

e pensei em tudo que já viveste antes de mim.
Quando eu nasci:
- tu já andavas na escola
- tu já tinhas chumbado
- tu já pintavas cartazes políticos
- tu já tinhas fumado
- tu já tinhas deixado de fumar
- tu já tinhas dado o primeiro beijo.
Quem diria que depois de viveres tanto ainda esperaste por mim.

8 comentários:

Artur disse...

Parece-me que enquanto esperava ele andou entretido com uma coisa ou outra...

Mad disse...

Lindo.

Pedro Barata disse...

Esperar é uma virtude!!!
Beijinhos

Izzie disse...

Estava a estudar, a desesperar. as lágrimas já caíam incontrolavelmente pela cara. estava exausta. já ponderava desistir do curso. parei. vir procurar distrair me no meio de blogues. o que é certo é que cheguei a este e só parei no fundo da pagina. adorei! ri-me, deliciei-me. acabei e estou outra. acho importante referir que encontrei aqui o que me aliviou o desespero do momento! obrigada. tem uma escrita fascinante. de uma simplicidade encantadora. postei no meu blogue. como ainda sou novata, não sei fazer referências com o link do blogue. por isso nao a referi directamente. mas se me for ler, o que postei foi graças ao que li agora, aqui. foi simples mas foi verdadeiro.

Marquês de Sade disse...

Pessoas há por quem vale a pena esperar!
Bj

JS disse...

Bem vindo Artur!

Izzie já passei por lá paraagredecer as tuas palavras.

Mad, Pedro e Marquês, quem espera sempre alcança.

mf disse...

Sabes... Há alguém que me ocupa o pensamento e de quem eu espero um dia poder dizer isto... Ler este post fez-me bem... :)

Nobody Knows. disse...

destino (: