terça-feira, 3 de março de 2009






Não sei se é defeito ou feitio,mas eu tenho uma certa dificuldade em me separar de certas coisas.

Ontem fiz uma "limpeza"ao guarda vestidos. Daquelas que ficamos reduzidos a quase nada. Eu nunca faço destas coisas. Guardo tudo e mais alguma coisa, porque acho que se volta a vestir, ou me volta a servir ou porque me lembra uma época da minha vida...

Mas ontem "livrei-me" de tanta coisa...que nem parecia eu.
PS - Aquele pull-over preto com as mangas puidas, que usei quando pela primeira vez peguei ao colo as minhas sobrinhas, continua por cá.
PS1 - a saia azul com pintinha brancas também...
PS2 - aquela camisola que nunca a consegui vestir por me ficar tão mal, também nao dei.
PS3 - e mais uma ou outra coisinha...

13 comentários:

Miguel C. disse...

Sim... e depois exclamas surpreendida: "Não tenho nada para vestir!!!". Mulheres...
Um beijo!

Ana C. disse...

JS, eu sinto essa necessidade muitas vezes de limpar o que não faz falta. Tenho uma pequena caixa onde guardo o que tenho de mais sagrado, os meus livros e discos. Depois o resto não me apego a nada, principalmente roupa. Faço grandes razias ao meu armário todos os anos :)

maria teresa disse...

Fantástico! Descreveu-me! Será que somos ambas virginianas?
:)

Angelblue disse...

Lool aiiii tb eu sofro desse mal, penso sempre que um dia vou vestir, e passam anos, acabo por andar quase sempre com o mesmo lool.Pior, penso que um dia a minha filha poderá gostar e querer vestir looool.

Beijinho

Ana Miguel disse...

Ainda tens essa saia? Lembro-me tão bem dela...

JS disse...

Miguel, eu ....naaaa, só às vezes!!!


Ana C., que coragem...LOL

Maria Teresa, eu sou Peixes!

Angelblue, ainda não me tinha lembrado que as meninas um dia podem querer vestir!!!

Ana Miguel, tenho sim senhora! Faz 20 anos este ano..

Pedro Barata disse...

Fazes bem em dar roupa que não usas, acabava por só ocupar espaço e assim é útil a alguém.
Beijocas

Alexandre disse...

Ora aí está algo que faço com bastante facilidade, pelo menos quando tenho disposição e tempo... conseguisse eu livrar-me de outras coisas tão bem como de roupa e tralha :)

Sanxeri disse...

Desafio para ti no meu blog. ;)

maria teresa disse...

JS

As minhas capacidades mentais estão em declínio. Tenho-me rido até dizer: basta!A minha filha ouviu uma dessas risadas e ao saber o porquê, brincou imenso comigo. Não é que no comentário anterior lhe pergunto se é virginiana e no dia 22, lhe dei os parabéns!
Estou a ficar senil, só pode!
:)

MMM. disse...

Eu tb nunca deito nada fora...! Never! lol

carlostgc disse...

à moda muito própria de um Homem, eu também gosto de guardar TUDOOO... mas existe alguém cá em casa de faz umas razias surpresa... mas não gosto (apesar de para mim saber que elas são necessárias) ehehe (de malandro)

JS disse...

Maria Teresa, deixe lá que eu também não sabia se estava afalar para mim ou para a Ana C.Mais senil que eu é que é dificil!!!


Pedro Barata, somos uns para os outros!!!

MMM,benvinda...com o tempo terás que deitar, acredita!

Carlos, se me deitassem as coisa fora eu tinha um AVC, é um processo lento e cuidadoso, este da separação...