quinta-feira, 25 de agosto de 2011

4 anos de ti, 4 anos de nós.


É possível que nunca venhas a ler isto. É possível que algures no tempo, entre o tempo de tu aprenderes a ler e eu deixar de escrever, tudo isto desapareça. Mas hoje é importante que te diga como tu és importante para mim.

Escrevo ao som de uma música que não toca, para que não acordes e quando te vejo tão grandemente pequena, numa luta entre os lençóis, a falta de chupeta e o sono, olho para ti e vejo-te grande. Grande como sempre te vi, mesmo quando tinhas dois quilos e cabias na palma da minha mão. Grande, mesmo quando o percentil só tinha um digito e tu não sabias respirar.

Grande Nôno, sempre grande e nunca frágil. Sempre de olho aberto e cheia de força.

Até agora só aprendi contigo, é certo que te ensinei algumas coisas, mas quem mais aprendeu fui eu. Todos os dias me mostras que há vários caminhos e o mais fácil não é para ti, mostraste-me o significado de palavras que só conhecia do dicionário e acima de tudo, és sem sombra de dúvida o meu milagre.

Agora nána. Amanhã acordo-te com um beijo e no meio dos meus braços mesmo sem muitas palavras tu saberás tudo o que deixei aqui escrito.

"Ami-ti, Nôno!"

10 comentários:

CoriscaRuim disse...

:))))))))))))

Pronto, acabei de ficar com um sorriso tolo na cara ao ler isto :)

Joana Dias disse...

Faço minhas as palavras da CoriscaRuim!

:D

beijinho**

Naná disse...

E não há nada melhor no mundo!!
Parabéns à Nonô e à vossa família linda!

Poetic GIRL disse...

Espero mesmo que ela um dia leia estas palavras! beijo enorme!

Anna^ disse...

Mesmo que estas palavras desapareçam, nada apagará o teu "sentir"...e isso ela sabe-o muito bem!

Um grande beijo de parabéns para a Nôno ( e eu pensava que ela já tinha quatro...está grande!) !
E para ti, um grande abraço, também ele de parabéns :)

Cat disse...

Parabéns à grande Nôno e à mãmã! Beijinhos

maria teresa disse...

A isso chama-se AMOR incondicional...
Parabéns às duas!
Abracinho meu!

Pedro Gaivota disse...

Ainda não percebo como aqui vim parar. Mas fui ficando e lendo...Post após poste até 2009... Gostei do que li e senti. Respira.se muito bom ar por aqui. Por agora digo-"te" que voltarei e faço votos para que a vida vos sorria, a Ti e à tua "ninhada".

;)

JS disse...

Corisquinha, tu és um amor!

Joana, obrigada e beijinhos

Nána, obrigada, podes crer!

Bela, não tarda nada já começa a ler, é obcecada pelas letras!

Anna^obrigada e beijinhos, está grande e marota!!

Cat, obrigada! Estou com saudades tuas...

Maria Teresa, sempre presente!Obrigada pelo Carinho

Pedro, antes de mais bem vindo! E obrigadapela paciência de me ler até 2009, acho que nem eu teria tanta paciência para mim! Beijinhos

AnaBrito disse...

Meu Deus... estou sem palavras.... e com uma lágrima no canto do olho. quero um amor assim, lindo e incondicional.... é maravilhoso...

Beijinhos