segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Na vida e principalmente no amor, deve ficar tudo esclarecido.



Caso contrário,

podes ficar preso àquele momento para sempre.

9 comentários:

João disse...

Já passei por isso JS, aliás, acho que a minha relação está presa algures, e por mais esclarecimentos que existam, não se consegue desprender.

Desejo-te um 2009 com mais saúde, mais amor, mais alegria...
Beijinho, tudo de bom!

Pedro Viegas disse...

Sem duvida. Pontas soltas, janelas abertas, são motivo para nunca se conseguir esclarecer devidamente... e trazer de novo, mais tarde ou mais cedo a eterna questão.
E tantas vezes... ...inconscientemente... deixamos tudo assim... no limbo.

FELIZ ANO 2009

JP

Ritinha disse...

Pois... E não digo mais nada.

Crest© disse...

Mais do que esclarecido, aprender desses momentos, para que não se repitam os erros.

margarida disse...

Tudo dito nessa frase.
Não deixar pontas soltas, por elas se desfia uma relação.

Elsa Pinto disse...

Como o prometido é devido... cá está o post...
E está excelente!
Li e lembrei-me de si:
As palavras sempre ficam!
"Se me disseres que me amas acreditarei.
Mas se escreveres que me amas, acreditarei ainda mais.
Se me falares da tua saudade, entenderei, mas se escreveres sobre ela, eu a sentirei junto contigo.
....
e assim são as palavras escritas:
possuem um magnetismo especial, libertam, acalantam, invocam emoções.
Elas possuem a capacidade de em poucos minutos cruzar mares, saltar montanhas, atravessar desertos intocáveis.
...
Quem escreve constrói um castelo, e quem lê passa a habitá-lo."

O seu tio do Algarve disse...

Nem sempre é assim...Sabe tão bem deixar coisas para esclarecer, para rever, para descobrir!

Humm... sabe tão bem esse percurso de descobrir novas paisagens em caminhos há muito percorridos...

Não é preciso dizer tudo, pois não? Quando dizemos tudo pouco fica para dizer e menos ainda para adivinhar.

Hoje deu-me para isto. O que há de fazer?

XS disse...

As facturas rectroactivas são difíceis de saldar....

O seu tio do Algarve disse...

Pois é verdade que são XS, mas umas notas de crédito com que não estamos a contar sabem sempre bem...